INFORMÓFILOS - SEJAM BEM VINDOS AO MEU HUMILDE MAS PRETENCIOSO BLOG

A todos os amantes da tecnologia assim como eu, este Blog foi elaborado para que todos possam expressar junto a mim a paixão incondicional para com os brinquedinhos tecnológicos que a todo minuto é lançado no mercado e nós .... pobres mortais... rsrs não conseguimos adquiri los então ao menos vamos nos contentar por enquanto apenas trocando informações sobre eles e por que não criticando e denunciando os produtos que prometem e não cumprem...... Pessoal, amigos(as), visitantes e adeptos.... Vamos nos juntar e botar a boca no trombone......

Sejam todos bem vindos
Abraços
Tatto

CONTADOR DE CARACTERES

quinta-feira, 6 de janeiro de 2011

CONSELHO BOM ... É BOM !!! S-E-M-P-R-E ......

COMO PRIMEIRA POSTAGEM DE 2011
OPTEI POR COLOCAR ALGO EM QUE O PRÓPRIO USUÁRIO JÁ VEM SE CONSIENTIZANDO DO USO ERRADO OU CERTO DA TECNOLOGIA 
ENTÃO TOMEI DE ASSALTO ESTE TEXTO ESCRITO POR UMA AMIGA QUE MUITO ADMIRO 
*NECA* 
"AI DE MIM QUE SOU ROMÃNTICA"
********************************************************************************************************************
Eu mudei, você mudou, a gente mudou, o mundo inteiro mudou desde que a internet foi criada e, principalmente, depois que ela passou a fazer parte do nosso cotidiano. 

Tornamo-nos seres quase translúcidos: nossas vidas, nossas alegrias, nossas tristezas, nossos êxitos, nossos fracassos, nossos planos, nossas opiniões, nossas contradições, nossas frustrações, nossas ambiguidades, nossas divagações, nossas indignações, ..., estão aí para quem quiser ver e, até quem sabe(?), imprimir ou assistir em tempo real.  

A internet, que até pouco tempo era restrita à pesquisa e informação, hoje é mecanismo de cognição e interação social - haja vista as redes colaborativas como o Twitter, o Youtube, o Orkut, o Facebook, o My Space e os Blogs da vida...

Ou seja, muitos daqueles acontecimentos da vida da gente que até então eram de ordem personalíssima, de foro íntimo, agora vêm sendo expostos publicamente. Voluntariamente. Espontaneamente. Por nós mesmos...

Nós, que até pouco tempo atrás tínhamos apenas nome e sobrenome e assim éramos singelamente conhecidos, hoje somos fulano arroba alguma coisa, beltrano-ponto-com-ponto-bê-erre, ostentamos nicknames de peso e virtualmente temos um milhão de amigos ou de seguidores que nunca vimos. 

Eu não sei de você, mas quanto a mim, confesso que não tenho simpatia por algumas redes sociais. O Twitter, por exemplo. Não consigo me imaginar 'tuitando', dando conta para Deus e o mundo das coisas que faço ou deixo de fazer. E mais, não tenho a menor curiosidade em saber ou dar fé da vida dos outros. Vitrine é o lugar onde se expõe mercadoria, não pessoas. Portanto, fico de fora. Não tenho preço e não valho mais ou menos conforme meus trending topics e o número de pessoas que me seguem.

Mas, essa é apenas a minha opinião pessoal sobre o Twitter e você pode muito bem contraditá-la argumentando em cima deste meu blog. Afinal, é aqui que falo de amor e de desamor, é aqui que relato fatos da minha vida, é aqui que desabafo sobre minhas perdas, é aqui que exalto meus méritos e tento disfarçar meus deméritos. Enfim, o blog, como instrumento de integração que é, também é uma forma de exposição da vida privada e tudo depende do ponto de vista e dos olhos mais ou menos imparciais de quem vê.

Em razão disso e independentemente de empatias e descasos, penso que o que configura o dilema atual é a medida da exposição de cada um, uma vez que existem valores a serem preservados. E quando falo em valores, me refiro à dignidade e integridade, por exemplo, que a meu ver são os mais básicos e inerentes à condição humana.

O ciberespaço, do qual a internet faz parte, é fascinante em termos de possibilidades, mas precisamos ter sempre em mente que ele armazena dados e distribui informação de maneira global, tornando-se assim, uma janela escancarada para a exposição pública e pessoal de quem está conectado.

É claro, a Internet possibilita novos padrões de interação social e graças a ela as pessoas passaram a se comunicar mais, seja por e-mail, pelo msn, pelo celular, pelo orkut, pelo facebook, pelo twitter, pelo skype, ..., enfim, a interatividade virtual também aproxima as pessoas e isso é extremamente positivo.  

No entanto, do que não podemos nos esquecer é que uma simples informação, uma imagem ou um vídeo na web pode correr o mundo e, sem obstáculos, ser acessado por quem gostaríamos que tivesse acesso ou por quem não deveria sequer ver ou saber. Independentemente do conteúdo (Wikileaks é prova disso...).

Para encerrar esse meu trololó...

Todos podem e devem ter o direito de usar a web, mas convém que isso seja feito com bastante cuidado e moderação. Bom senso é tudo na vida e a imagem (e a honra!) da gente não tem preço. Preserve a sua.

TEXTO - NECA        BLOG - AI DE MIM QUE SOU ROMÃNTICA 

Obrigado amiga Neca pela aula que você deu expondo esse texto e permitindo que eu o fizesse uso
Tatto    06/01/2011

3 comentários:

Neca disse...

Ximpa,
Eu é que me sinto lisonjeada por ter um texto meu sendo re-postado aqui no teu blog. Ainda mais se tratando de um blog de tecnologia e outras modernidades e sendo eu quase uma bizantina analfabeta de pai e mãe nesse assunto..rssss...
Meu macaco amado: um beijo enorme procê e Deusquenosajude nessa web!!!

Ps.: vi uma borboleta lá em cima... Agora, tô me sentindo em casa e vou ficar!!! rsss

Milene Lima disse...

Vixe maria! Verdadeiro demais esse texto, parabéns a sua amiga. Eu também sou meio aversa a esse moço, o tal twitter. Acho uma bobagem só, mas enfim, se trata da minha opinião, como ela mesma falou. Acredito que se fizermos as coisas diretirinhos, é possível nos protegermos desse mundo maluco chamado virtual. Beijo, Tatto.

Tida Bolognani disse...

Adorei o texto de sua amiga Neca, muito bom messssssmo....concordo com ela, deve-se ter cuidado ao usar a tecnologia, sempre a nosso favor e não contra.
Meu amigo Tatto, fez bem em publicá-lo, pois, assim, tivemos acesso a ele, não conheço o blog e agora fiquei curiosa, visto que a mensagem foi bem inteligente.
Grannnnnde abraço