INFORMÓFILOS - SEJAM BEM VINDOS AO MEU HUMILDE MAS PRETENCIOSO BLOG

A todos os amantes da tecnologia assim como eu, este Blog foi elaborado para que todos possam expressar junto a mim a paixão incondicional para com os brinquedinhos tecnológicos que a todo minuto é lançado no mercado e nós .... pobres mortais... rsrs não conseguimos adquiri los então ao menos vamos nos contentar por enquanto apenas trocando informações sobre eles e por que não criticando e denunciando os produtos que prometem e não cumprem...... Pessoal, amigos(as), visitantes e adeptos.... Vamos nos juntar e botar a boca no trombone......

Sejam todos bem vindos
Abraços
Tatto

CONTADOR DE CARACTERES

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

DICIONÁRIO INFORMÁTICO DAS SIGLAS - FIQUE POR DENTRO !

Formatar o "HD" ?
Baixar "MP3" ?
"PC", "DDR", "HTTP", "FAQ"......?????

ENTENDA UM POUCO MAIS 
DA LINGUAGEM
DO FUTURO ( HOJE )
Este dicionário deve estar sempre a mão quanto um TI resolver te enrolar com conversas evasivas ao explicar o que houve com seu Computador. 


TI

Técnico em Informatica - Tecnologia da Informação
ADSL
Assimetric Digital Subscriber Line, tecnologia de acesso rápido que usa as linhas telefônicas oferecida em várias cidades. As velocidades variam em geral de 256 k a 2 mbps, dependendo do plano escolhido. A principal virtude é não usar o sistema telefônico comutado, dispensando o assinante de pagar pulsos, apenas a tarifa mensal.

AGP

Acelerated Graphics Port. Barramento de dados extremamente rápido usado pela placa de vídeo. Aparece como um slot marrom na placa mãe.

APM

Advanced Power Management. Sistema avançado de gerenciamento de energia que permite diminuir o consumo elétrico do computador. útil sobretudo em micros portáteis.

AT

Advanced Tecnology, como era chamado o 286 lançado pela IBM em 84 (na época fazia sentido :-) Hoje é mais usado para se referir a gabinetes que não ainda não usam fonte ATX.

ATX

O padrão de design para as placas e gabinetes modernos, prevê medidas definidas para as placas mães, gabinetes e modificações na fonte de alimentação.

ASP

Active Server Pages, linguagem de programação para a Internet.

BBS

Bulletin Board Service. Os primeiros serviços online, bem antes da Internet. A conexão era feita via modem, na época ainda modelos de 1200 ou 2400 bips.

BIOS

Basic Input / Output System. A primeira camada de software do sistema, responsável por "dar a partida" no micro.

CD

Compact Disk.

CISC

Complex Instruction Set Computer. Computadores que executam diretamente um conjunto complexo de instruções, como o 486. Os processadores atuais incorporam um núcleo RISC (Reduced Instruction Set Computer), sendo chamados de híbridos.

CMOS

Complementary Metal Oxide Semiconductor. Um pequeno pedaço de memória volátil, alimentado por uma bateria, usado para gravar as configurações do Setup.

CPU

Central Processing Unit. Era mais usado na época dos mainframes, o termo mais atual é processador.

DDR

Double Data Rate. Um tipo de memória duas vezes mais rápido que as memórias SDRAM atuais, que vem ganhando popularidade.

DIMM

Double Inline Memory Mode. Os módulos de memória de 168 vias usados atualmente.

DMA

Direct Memory Access. é uma recurso da placa mãe que permite que os periféricos acessem diretamente a memória RAM, sem consumir poder de processamento do processador.

DNS

Domain Name Service. Transforma os endereços IP em nomes amigáveis, como www.hardware.com.br, pode ser usado também em Intranets.

DOS

Disk Operating System. Pode ser usado em relação a qualquer sistema operacional, mas é normalmente usado em relação ao MS-DOS

DVD

Digital Versatile Disk, armazena muito mais dados que o CD-ROM, sendo atualmente usado para armazenar filmes.

ECP

Extended Capabilities Port é o padrão atual para a porta da Impressora, bem mais rápido que os padrões anteriores.

EDO RAM

Extended Data Output Dynamic Ramdom Access Memory, evolução das memórias FPM, usada principalmente em micros Pentium antigos.

EPP

Enhanced Parallel Port, padrão de porta paralela anterior ao ECP, tem a mesma velocidade, mas não suporta DMA.

EULA

End User License Agreement. O contrato que você aceita antes de instalar os programas, geralmente sem ler :-)

FAQ

Frequently Asked Questions. As perguntas mais comuns sobre algum tema. Para ler antes de perguntar. :-)

FAT

File Allocation Table. Num HD armazena a lista dos endereços ocupados por cada arquivo guardado, permitindo localiza-los.

FDD

Floppy Disk Drive. O infame drive de disquetes.

FTP

File Transfer Protocol. é um protocolo usado para transferir arquivos pela Internet.

HDD

Hard Disk Drive. A mesma coisa que disco rígido.

HTML

Hyper Text Markup Language. Uma linguagem de formatação de texto desenvolvida nos primórdios da Internet, mas padrão até hoje.

HTTP

Hyper Text Transfer Protocol. Foi desenvolvido originalmente para transferir páginas HTML, mas pode e é usado também para outros tipos de arquivo. As páginas WEB são acessadas usando-se este protocolo.

IDE

Integrated Device Electronics. Barramento de dados que serve para a conexão do disco rígido, CD-ROM e outros dispositivos.

IRQ

Interrupt Request Line. Funciona uma campainha que cada dispositivo pode usar quando quiser transferir dados ou instruções para o processador. Existem apenas 16 IRQs nos micros PC, dois dispositivos não podem usar o mesmo endereço.

ISA

Industry Standard Architeture, padrão de barramento desenvolvido para os micros 286, mas usado até hoje. Os slots pretos da placa mãe.

ISDN

Integrated Services Digital Network. Permite acessar a Internet a 128 K usando a linha telefônica. Disponível na maioria das cidades, mas pouco usado por causa das altas tarifas.

LAN

Local área Network. Qualquer rede de micros que englobe um pequeno espaço, uma sala ou mesmo um prédio.

LBA

Logical Block Addressing. Um método de tradução que permite ao BIOS reconhecer HDs com mais de 528 MB. Suportado por todas as placas mães atuais.

MAC

Macintosh Computer. Desenvolvido pela Apple, foi em 84 o primeiro micro doméstico a usar interface gráfica e modem. A arquitetura continua evoluindo até hoje, sendo a principal concorrente dos micros PC.

MBR

Master Boot Record. A trilha zero do HD, onde ficam guardadas as informações sobre o(s) sistema(s) operacionais instalados.

MP3

MPEG Layer 3. Padrão de compactação de áudio que permite que as músicas fiquem com 1/10 do tamanho original sem uma degradação muito grande da qualidade.

NTFS

NT File System. Sistema de arquivos usado pelo Windows NT e Windows 2000. Oferece vários recursos.

OS

Operational System

PC

Personal Computer. O primeiro PC foi lançado pela IBM em 81. Depois vieram os XTs, 286s, 386s até chegar nos dias de hoje.

PCI

Peripheral Component Interconnect. O padrão de barramento atual, usado pela maioria dos dispositivos. Os slots brancos da placa mãe.

PnP

Plug and Play. Também chamado jocosamente de "Plug and Pray" (encaixe e reze :-), a idéia era permitir que novos periféricos fossem automaticamente reconhecidos e instalados, sem esforço do usuário.

RAM

Ramdom Access Memory. Memória de acesso aleatório, é a memória mais usada não apenas em micros PCs, mas na maioria dos computadores. é barata, mas tem a desvantagem de ser volátil.

RIMM

Rambus Inline Memory Mode. Um padrão de memórias ultra rápido e ultra caro desenvolvido pela Rambus Inc. que a Intel insiste em tentar empurrar junto com seus processadores.

RISC

Reduced Instruction Set Computer. Computadores que são capazes de executar poucas instruções diferentes, sendo em compensação extremamente rápidos.

ROM

Read Only Memory. Existem vários tipos, usada para guardar dados que não precisarão ser alterados.

SCSI

Small Computer System Interface. Um padrão de barramento para a conexão de discos rígidos, CD-ROMs, scanners, impressoras e vários outros dispositivos. Desenvolvido originalmente pela Apple para uso nos MACs.

SIMM

Single Inline Memory Mode, os módulos de 72 vias usados até pouco tempo atrás.

SVGA

Super VGA, é geralmente usado com relação a monitores que suportam resoluções superiores a 640 x 480 e mais de 256 cores.

TCP/IP

Transmissão Control Protocol / Internet Protocol. Desenvolvido na década de 60 pelo departamento de defesa dos EUA, para ser usado na Arpanet, rede militar que foi o embrião da Internet atual. A principal virtude do TCP/IP é permitir que os outros computadores da rede continuem conectados mesmo caso um ou vários computadores caiam. No caso de uma guerra, o que sobrasse da rede continuaria funcionando.

TSR

Terminate and Stay Resident.

USB

Universal Serial Bus. Barramento plug-and-play relativamente lento (12 mbps) que pode ser usado por vários tipos de dispositivos. Todas as placas mãe atuais trazem pelo menos 2 portas USB. Cada porta pode ser compartilhada por vários dispositivos.

VLB

Vesa Logical Bus. Um padrão de barramento sucessor do ISA, mas anterior ao PCI, usado apenas em placas para 486. Criado pela Vesa, uma associação de fabricantes de placas de vídeo em 93.

WAP

Wireless Application Protocol, um protocolo de dados desenvolvido para uso em dispositivos sem fio, como celulares.

WWW

World Wide Web, ou Wait, Wait, Wait caso você use modem de 14.4 :-)

ZAW

Zero Administration for Windows. Uma coleção de utilitários produzidos pela Microsoft que visa diminuir o trabalho dos administradores de rede, permitindo atualizar programas das estações apartir de qualquer ponto da rede, por exemplo.
Na esperança que esta postagem possa esclarecer ao menos as "pequenas" dúvidas.
Um Abraço a Todos
Tatto T.I. 

14 comentários:

Ma Ferreira disse...

Que legal!! Muito bacana!! Super útil..te sigo aqui e ali!!

bj

Lu Cavichioli disse...

Uuuiii... S.O.S maior dos legal!

Obrigada Tatto!
To levando esses troços aí rsrs.

bj
=D

William Garibaldi disse...

Show de Bola meu amigo.. vou levar comigo... e aprender... pra mim foi super util!

Abração!

Grato mesmo :P
huhauhuahuaha fundiu o cabeção aqui!

✿ chica disse...

Pra ficar bem guardado e consultar ...Legal teu trabalho!Obrigadão! abraços,chica

Yasmine Lemos disse...

ÊEE que massa Tatoo,sou muito burrinha em informática.Ótima idéia .
beijão

Anne Lieri disse...

Tatto,obrigada por essas dicas!Já salvei nos meus favoritos pra sempre poder pesquisar!Muito legal!Valeu!Bjs,

Dayse Sene disse...

Obrigada amore. Valiosíssimas informações.
Deusqueajude....
Você um cheiroso, rsrs.
Abraços.

Emíliana disse...

Ow Tato,que tri!Vou fundir as ideias aqui,mas vou decorar...ou pelo menos tentar tantas informações juntas.
Nossa,mas essas maquinas é coisa demais!Eu só sei o básico né?Pedir pra gente saber demais é demais mesmo...rsrs
Aqui,tbm,com vc
Bom fds,bjka

Leonel disse...

Amigo, esta lista me trouxe foi um bocado de recordações e me despertou para o quanto mudou a própria tecnologia informática em tão pouco tempo!
Do BBS à internet, num salto enorme!
O primeiro micro que eu mesmo montei foi um avançadíssimo AT 286!
Como eu me orgulhava de ter um!
Grande post, Tatto!

Majoli disse...

Maravilha Tatto, deixarei nos favoritos e virei aqui consultar sempre.
Que bom ter recebido o e-mail, eu sou meio por fora de muita coisa, quando preciso de algo e meu filho estando disponível, pergunto a ele, pois o garoto é show de bola.
Mas isso é raro (estar disponível), pois fica longe de casa dia todo, trabalho, escola e namorada...rsrs.
Então, pedirei help aqui...certo?
Beijos Tatto querido.

Graça disse...

Tatto,

vc disse "pequenas dúvidas"???

CArasmba!! Isso é um SHOW!!!

Brigada por colocar em prática o PBPA.

Um abração pra você.

*Te espero pro meu Projeto tb, ok?? Vê lá, hein, não me deixe na mão...rs

Milene Lima disse...

Eu fico perdidinha nesse mundão de sigla. Dá pra desenhar pra euzinha?

Tô brincando (mas nem tanto).

Beijos, T.I.

Regina Rozenbaum disse...

Copiei, colei e vou arrumar um jeito de GRUDAR em algum lugar do meu BIOSER!!!
Beijuuss n.a.

Déya... disse...

Útil sempre é...
O duro é se lembrar desse monte
de nominhos rssrsrsr ...
AHHH se minha cachola me permitisse ..
beijo moço!